World Council of Churches

O Conselho Mundial de Igrejas é uma comunhão global que busca a unidade, o testemunho comum e o serviço.

You are here: Home / Novidades / Dia Mundial da Água: igrejas refletem sobre o significado deste dom

Dia Mundial da Água: igrejas refletem sobre o significado deste dom

Dia Mundial da Água: igrejas refletem sobre o significado deste dom

Moradores do estado de Madhya Pradesh durante o “Jal Satyagrah” (protestos pela água inspirados pela luta não-violenta de Gandhi) mergulham nas águas crescentes da represa. © Pallav Thudgar.

19 March 2015

English version published on: 20 March 2015

Como parte dos preparativos para o dia 22 de março, várias organizações cristãs estão refletindo acerca do significado da água - um recurso escasso ameaçado e negado a milhões de pessoas ao redor do mundo.

Estas reflexões são inspiradas por uma campanha da Quaresma promovida pelo Conselho Mundial de Igrejas (CMI) chamada "Sete Semanas pela Água". A campanha, coordenada pela Rede Ecumênica da Água, do CMI, convida ao diálogo sobre questões ligadas à água, com especial enfoque no tema "Rumo à Justiça da Água: Uma Peregrinação de Justiça e Paz". A cada semana, o website da campanha publica reflexões teológicas sobre o tema da água.

“Uma leitura bíblica e teológica em relação à água é necessária porque trata-se do fundamento de nosso lar, o planeta Terra. E este lar não é apenas habitat humano, mas um lar que compartilhamos com todas as outras criaturas", declarou o Rev. Kuzipa Nalwamba, da Igreja Unida da Zâmbia, um dos autores dos materiais criados para a campanha Sete Semanas pela Água.

"Para o nosso bem e o bem das outras criaturas na Terra, somos chamados a cuidar de seus recursos naturais, especialmente da água, que é a vida em todos os seres vivos", acrescentou Nalwamba.

Em outra reflexão preparada para a campanha, o advogado Rajendra Sail, um dos fundadores do Raipur Churches Development and Relief Committee, ele diz que "do ponto de vista das pessoas, a água é um direito adquirido no nascimento”.

"Ele não pode ser dado ou tirado por ninguém, pois ele é adquirido no nascimento de cada pessoa e é parte do seu ser. Por isso, é dever e responsabilidade de cada um proteger, preservar, compartilhar, utilizar para as necessidades básicas e dizer NÃO ao controle privado da água", afirmou Sail.

Entre as contribuições às Sete Semanas pela Água, constam ainda as do Dr. Rommel Linatoc, Prof. Elias Wolff, Veronica Flachier, Prof. Chung Hyun Kyung e da Profa. Susan L. Smith.

"Nesta edição do Dia Mundial da Água, seremos lembrados dos esforços e projetos desenvolvidos por nossas igrejas para assegurar que comunidades locais tenham acesso à água potável", disse Olusesan Olukoya, diretor executivo do Centro para Desenvolvimento Rural e Transformação de Comunidade em associação com a Fundação Preach Water, uma ONG oriunda da Igreja Presbiteriana da Nigéria.

“Os recursos teológicos preparados para as Sete Semanas pela Água encorajaram-nos a continuar nossas pequenas iniciativas, desenvolvidas a partir de nossas próprias capacidades, de levar água a comunidades desfavorecidas", acrescentou Olukoya.

Reflexões sobre questões ligadas à água

“As reflexões preparadas para a edição deste ano das Sete Semanas pela Água criticam a mercantilização e a privatização da água e dos recursos hídricos. Inspirados por este material, queremos observar o Dia Mundial da Água em nossa igreja e em diversas paróquias, afirmando a água como dom de Deus", declarou Angelious Michael, da Igreja Evangélica Luterana Jeypore na Índia.

“Denunciaremos a mercantilização e lutaremos por justiça relacionada à água”, acrescentou.

“Cremos firmemente que a água e um dom do Deus da vida", declarou Adebayo Anthony Kehinde, da Igreja do Senhor (Aladura), da Nigéria.

“As Sete Semanas pela Água provaram ser um exemplo prático de acompanhamento ecumênico global às igrejas em sua luta por justiça relacionada à água", afirmou. "Nossa igreja compartilhou estes recursos com a família ecumênica aqui na Nigéria", acrescentou Kehinde.

Kasta Dip, diretor do India Peace Centre, do Conselho Nacional de Igrejas da Índia, afirmou que a campanha das Sete Semanas pela Água está ligada ao significado da água conforme descrito nas escrituras religiosas. Estas reflexões, disse ele, enfatizaram como a água não tem substituto e como trata-se de uma obrigação religiosa e uma responsabilidade social economizar água e usá-la conscientemente.

Dinesh Suna, coordenador da Rede Ecumênica da Água, disse que "Sete Semanas pela Água é um instrumento efetivo para gerar interesse entre as igrejas-membro do CMI rumo ao Dia Mundial da Água que, invariavelmente, ocorre durante a Quaresma.

“O tema desta edição do Dia Mundial da Água, 'água e desenvolvimento sustentável', reforça a importância da água como uma parte integral do processo de desenvolvimento sustentável, que afeta alimentação, saúde, energia, educação, gênero e muitas outras questões", ele disse.

“Este próximo Dia Mundial da Água também procura reter o objetivo específico (6), relacionado a água e saneamento, nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, a serem lançados em setembro de 2015 durante a Assembleia geral da ONU", acrescentou Suna.

Website oficial do Dia Mundial da Água

Sete Semanas pela Água 2015

Mais informações sobre a Rede Ecumênica da Água