World Council of Churches

O Conselho Mundial de Igrejas é uma comunhão global que busca a unidade, o testemunho comum e o serviço.

Você está aqui: Entrada / Novidades / Liderança do CMI aborda construção da paz e iniciativas inter-religiosas durante visita solidária a Israel e Palestina

Liderança do CMI aborda construção da paz e iniciativas inter-religiosas durante visita solidária a Israel e Palestina

Liderança do CMI aborda construção da paz e iniciativas inter-religiosas durante visita solidária a Israel e Palestina

Participantes de uma reunião com líderes de igrejas convidados pelo Patriarca Fouad Twal, do Patriarcado Latino em Jerusalém. © WCC/Marianne Ejdersten

2015-03-12

English version published on: 2015-03-12

A fim de expressar solidariedade com as igrejas e as pessoas em Israel e na Palestina, a liderança do Comitê Central do Conselho Mundial de Igrejas (CMI) visitou os dois países entre os dias 7 e 12 de março.

A delegação formada pela Dra Agnes Abuom, moderadora do Comitê Central do CMI, pelo Metropolita Dr Gennadios de Sassima e pela Bispa Mary Ann Swenson, vice-moderadores do Comitê Central, e pelo Rev. Dr Olav Fykse Tveit, secretário geral do CMI, estacou o enfoque do CMI em apoiar iniciativas de paz naquela região turbulenta, destacando a contínua presença e testemunho dado através do engajamento das igrejas.

A visita foi parte da peregrinação de justiça e paz, que reafirma o compromisso do CMI em apoiar o processo de paz na Terra Santa e no Oriente Médio e em refletir o contínuo e claro desejo de paz justa.

A visita incluiu encontros com os representantes das igrejas-membro do CMI, como o Patriarca Theophilos III de Jerusalém e o Bispo Dr Munib A. Younan, da Igreja Evangélica Luterana da Jordânia e Terra Santa e outros líderes de igrejas em Jerusalém que foram convidados pelo Patriarc Fouad Twal a um encontro no Patriarcado Latino em Jerusalém. A delegação do CMI também encontrou com líderes judeus e muçulmanos, grupos de defesa de direitos humanos (tanto palestinos como israelenses), no Peres Peace Centre, com Shimon Peres, o Primeiro-Ministro Al Hamdallah e o Comitê Presidencial para Assuntos Eclesiásticos, em Ramallah, e com representantes de organismos ecumênicos. A delegação também teve a oportunidade de testemunhar de perto as condições de vida daqueles que vivem sob a ocupação e os projetos bem-sucedidos sendo desenvolvidos naquela área.

A delegação foi acolhida em Jerusalém no Inter-Church Centre, um espaço criado pelas igrejas de Jerusalém em associação com o Conselho de Igrejas do Oriente Médio e com o CMI. O Centro funciona como ponto de coordenação para a ação ecumênica em e para Jerusalém e suas igrejas.

A delegação do CMI teve a oportunidade de aprender acerca do papel das igrejas na região, incluindo o trabalho do Programa de Ecumênico de Acompanhamento na Palestina e Israel (PEAPI). O objetivo deste programa é trabalhar junto aos palestinos e israelenses em suas ações não-violentas pela paz e implementar uma estratégia de incidência capaz de levar ao fim da ocupação militar israelense nos territórios palestinos.

"Desde 2002, mais de 1500 voluntários vieram passar três meses na região e trabalharam como Acompanhantes Ecumênicos (AEs). Esta foi uma inciativa concreta que o CMI teve para mostrar solidariedade e apoio aos esforços para que se alcance uma solução para o conflito Israel-Palestina com paz justa, baseada na lei internacional e em resoluções relevantes da ONU", disse a Dra. Agnes Abuom, moderadora do Comitê Central do CMI.

Apesar de ser minoria religiosa em Israel e na Palestina, os cristãos são bastante ativos e visíveis na vida pública.

“Nosso papel é dar testemunho ao mundo do trabalho por justiça e paz", afirmou o secretário geral do CMI, Rev. Dr Olav Fykse Tveit, enquanto explicava como o CMI acompanha as iniciativas de paz e reconciliação no oriente Médio e em outras partes do mundo.

Tveit destacou: “Acreditamos que a paz pode ser alcançada somente junto com o outro. Somos chamados, como comunhão de igrejas, a agir em apoio às soluções pacíficas para o conflito entre Israel e Palestina",

Entre os membros da delegação do CMI estavam também Georges Lemopoulos, vice-secretário geral, a Dra. Isabel Phiri, secretária geral associada para Testemunho Público e Diaconia, Marianne Ejdersten, diretora de comunicação do CMI e o Rev. Garland Pierce, assessor direto do secretário geral.

Igrejas-membro do CMI em Israel e Palestina

Declaração acerca das Medidas Econômicas e a Responsabilidade Cristã em relação a Israel e Palestina

O Programa Ecumênico de Acompanhamento na Palestina e Israel